Guia de implantação de Clínicas médicas populares – Recomendações de investimentos

O segmento de clínicas médicas populares tem crescido em ritmos acelerado em todo o Brasil. Isso ocorre devido a precariedade do sistema público de saúde brasileiro que não consegue atender sua clientela potencial, o que acaba, em parte, procurando os serviços médicos chamados populares. No mercado de saúde se entendem como preços populares àqueles inferiores aos comumente conhecidos como preços particulares.

Normalmente as clínicas médicas populares cobram em média 60% dos preços particulares para consultas médicas e em alguns casos cobram apenas 40% dos preços para exames e procedimentos médicos, em relação aos preços particulares.

Os preços menores, em relação aos dos serviços particulares, obviamente, atraem grande clientela, muita procura de serviços médicos e consequentemente acaba favorecendo a rentabilidade e liquidez do negócio. Por conta disso se ver um vertiginoso investimento em clínicas médicas populares em todo Brasil.

Intercriar Consultoria é especializada nesse segmento de mercado e realiza constantemente pesquisas e estudos sobre esse tema. Tendo, portanto, diversas informações sobre a implantação, manutenção e viabilidade deste tipo de negócio. Dessa forma, visando auxiliar empreendedores médicos vamos listar os 05 passos fundamentais para se criar uma clínica médica popular de sucesso.

Antes de implantar esse tipo de negócio, recomendamos que o empreendedor siga os seguintes passos:

01 – Pesquisa de mercado – Essa pesquisa visa identificar o mercado local de clínicas médicas e dentro deste segmento, o nicho de clínicas populares. Essa pesquisa deve quantizar o mercado local e estratificar as clínicas médicas populares, bem como a demanda oriunda do transbordo de atendimentos do SUS.

02 – Plano de negócio – O Plano de Negócio do seu empreendimento equivale a um projeto de sua empresa, no qual as questões anteriores devem ser esmiuçadas, estudadas, compreendidas e dominadas para que você seja hábil o suficiente para tomar decisões corretas como empresário do ramo de clínica médica popular.

03 – Estudos de investimentos – Nessa fase listam-se todos os itens de investimentos e se dimensiona o valor total dos custos de implantação da clínica médica popular. Fazem parte destes estudos o dimensionamento físico e operacional do negócio, sua forma de implantação (construção ou reforma de imóveis), tipos e preços de equipamentos, serviços oferecidos etc. Nessa fase se conhece quanto será investido na implantação da clínica médica popular e seu dimensionamento econômico-financeiro.

04 – Fontes de investimentos – Nessa fase buscam-se identificar as origens dos investimentos financeiros que poderão ser próprios, de terceiros ou de fontes de investidores como bancos ou financistas. Essa é a parte mais técnica da implantação de uma clínica médica popular quando envolve investimentos de agentes financeiros, haja vista que requer a elaboração de estudo de viabilidade econômico-financeira bem elaborado e tecnicamente elucidativo.

05 – Estudos de perspectivas de negócios – Nessa última fase fazem-se as avaliações mais apuradas de dimensionamentos de receitas financeiras da empresa, sua lucratividade, retorno do capital investido e expansão do negócio.

Por certo, seguindo esses passos e lendo o nosso e-book, o empreendedor saberá tomar as decisões mais acertadas no seu investimento e consequentemente terá condições de implantar uma clínica médica popular de sucesso.

Para saber mais clique